Posted by : Fred Novaes sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Então é Natal...e o Ano Novo tambéeeeemmm...a música, todo mundo conhece. Alguns conhecem tanto que não suportam mais ouvi-la nas lojas que vendem a felicidade natalina de muitas famílias. Mas, nesta época de celebração do fim de ano, também foi convencionado pela Igreja Católica o 25 de dezembro como o dia do nascimento de Jesus. Data que não existe na Bíblia. Mas tudo bem, falar de Jesus para o crente é um exercício diário mesmo, não custa nada dar uma forcinha para que as pessoas que não praticam a fé ( e isso é possível?) também se alimentem dos ricos ensinamentos do Mestre.


Mas falar de Jesus no período de balanço de fim de ano em meio a uma overdose de papais noéis, bolas multicoloridas e árvores de plástico é muito fácil e conveniente. Mas conhecê-lo, de fato, um exercício que deveria ser para todos é, infelizmente, uma iniciativa de poucos. Em 1 João 2:3 e 4, diz assim a Palavra da Verdade: "E nisto sabemos que o conhecemos; se guardamos os seus mandamentos. Aquele que diz: Eu o conheço-o e não guarda os seus mandamentos é mentiroso e nele não está a verdade."

Porque, nesta época, traficante, prostituta, devassos de toda espéciei, avarentos, gananciosos, roubadores, ladrões, invejosos e gente de todo tipo diz que celebra Jesus comendo um delicioso Tender e, geralmente, brindando essa festa com alguma dose de bebida alcoólica. O que estão celebrando? Estão, para ser franco, no meio de alguma festa pagã (talvez no aniversário do Papai Noel), zombando do sacrifício de Cristo no Calvário.

Porque no conhecer de Jesus o mais importante não é o nascimento, mas a morte e ressurreição que muitos não gostam nem de ouvir falar neste dia "porque hoje é festa". Mas a festa maior para aquele que crê advém da certeza de que Jesus tomou para si a chave da morte e da vida eterna e nos ofereceu o Consolodar para aguardar a sua volta. Este é o motivo diário de celebração porque, a partir dessa crença, temos a segurança de nossa salvação. A maioria, nesta festa de Natal, está mesmo é celebrando o solstício ou o equinócio, que eram comemorados em rituais pagãs nesta época do ano e que foram incorporados pela Igreja Católica, como o aniverário de Jesus, para ampliar sua densidade de seguidores.

Ainda em 1 João 3: 24, é revelado assim o conhecimento de Jesus: "E aquele que guarda os seus mandamentos nele está, e ele nele. E nisto conhecemos que ele está em nós: pelo Espírito que nos tem dado". Porque Jesus não se deu a conhecer para quem pretende prosseguir levando sua vida segundo a sua própria vontade, refém dos desejos da carne e pregando a soberda da vida (quando declaramos nossa autossuficiência e independência aos mandamentos e somos nós os condutores do nosso destino). É muito fácil se dizer cristão assim. "Eu já aceitei Jesus", se apressa em dizer, o "simpatizante" do Senhor.

Não estou preocupado em agradar, com esse texto, ao possível leitor que não se declara Servo do Senhor. É tudo muito bonitinho os desejos de Feliz Natal e próspero Ano Novo, nesta época, quando muitos estão pensando, na verdade, é em viagens de férias, curtição e descanso. Mas desculpe meu amigo, isso não é celebrar Jesus. A farta exploração comercial criando uma multidão de endividados também não é de Jesus, tenha certeza. Causando tristeza naqueles que não têm condições de comprar nem uma lembrancinha para seus familiares. Não! Isso definitivamente não é de Jesus.

Termino por aqui, mas é preciso se aprofundar muito mais na experiência cristã para conhecer, de verdade, o nosso Salvador. Concluo com uma reflexão bíblica extraída do belíssimo livro de 1 João:

"Se alguém diz : Eu amo a Deus e aborrece a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus a quem não viu? E dele temos este mandamento: que quem ama a Deus, ame também seu irmão. "
1 João 4: 20 e 21

Leave a Reply

Não deixe passar em branco

Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

seguir pelo e-mail

críticas

populares

curtidas

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © adora manaus -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...